Atualizado 17/04/2019

Homem é preso pela 10ª vez após praticar violência contra ex-companheira

Primeira prisão ocorreu em 2010 e agressor descumpriu medida protetiva de urgência

Pela décima vez, um homem foi preso por crimes envolvendo violência contra a ex-companheira. Na manhã desta quarta-feira, os agentes da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher de Canoas da Polícia Civil, sob comando da delegada Clarissa Demartini, efetuaram a detenção preventiva do indivíduo por descumprimento de medida protetiva de urgência.

O acusado possui antecedentes criminais por violência doméstica. Os registros começaram ainda em 2007. Já no ano de 2014, o acusado passou a importunar familiares da vítima, o que motivou registros por parte da irmã da ex-companheira. Na ocasião foram mais de 50 queixas feitas. A primeira prisão ocorreu em 2010.

A prisão faz parte da Operação Marias cujo objetivo é a prisão cautelar de agressores, seja em flagrante delito ou decorrente de decretação de prisão preventiva. A delegada Clarissa Demartini observou que são raros os casos em que a violência contra a mulher não cessa mesmo com diversas prisões cautelares do autor. O diretor da 2ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana, delegado Regional Mario Souza, destacou que “o enfrentamento à violência doméstica é prioridade da gestão”.

Fonte: JORNAL CORREIO DO POVO
© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções